GERAL

Vai comprar o presente do dia dos pais? Então veja quais cuidados tomar!



O Dia dos Pais é neste domingo (9)! O Procon de Schroeder listou algumas dicas para evitar problemas na hora da compra do presente:

·         Defina o que quer comprar antes de sair de casa e evite compras por impulso.
·         Se possível, faça pesquisa de preços pela internet. Desconfie se o preço estiver muito abaixo do preço médio praticado no mercado.
·         Evite fazer as compras de forma apressada. Verifique o estado da mercadoria, abrindo a embalagem e checando no local se está funcionando e se o número de peças e acessórios confere com as informações da embalagem.
·         Se for realizar compras pela internet, verifique se o estabelecimento ou site possui reclamações formalizadas contra ele nos órgãos de defesa do consumidor. No site deve constar o endereço físico da loja, telefone para contato, e-mail, razão social e CNPJ. Verifique ainda se aparece um cadeado na barra de endereços. Se tiver dúvida, não compre. É necessário também, verificar se há cobrança de frete, existência de outras taxas e o prazo de entrega. Imprima ou salve no seu computador os dados da compra e a página do site.
·         Nas compras efetuadas fora do estabelecimento comercial, é possível desistir da compra em até 7 dias após a assinatura do contrato ou recebimento da mercadoria.
·         Os preços informados em folhetos publicitários devem ser cumpridos.
·         O preço à vista deverá estar afixado, através de etiquetas ou similares, diretamente nos bens expostos a venda, independente de outra modalidade de pagamento.
·         Se existir a opção de parcelamento, a mercadoria deve conter os dois preços: o total à vista e as parcelas. O lojista deve informar também quais são as taxas de juros praticadas, número e periodicidade das prestações, no caso de pagamento a prazo.
·         Peça informações sobre a política de troca do estabelecimento. De acordo com o Código de Defesa do Consumidor, o estabelecimento comercial não está obrigado a trocar produtos. Entretanto, se o estabelecimento oferecer a possibilidade de troca deve cumpri-la, informando ao consumidor, no ato da venda, as condições de troca. O consumidor deve exigir o benefício por escrito, na etiqueta ou em nota fiscal.
·         Exija a Nota Fiscal, Manual de Instruções e Termo de Garantia dos produtos eletrônicos e eletrodomésticos. A Nota Fiscal é o documento legal que ampara o consumidor caso o produto apresente algum problema. Ela é essencial para ter direito à troca, à devolução ou ao conserto de um produto.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM