GERAL

Duas jaraguaenses representaram SC nas Paralimpíadas Escolares

Uma liminar garantiu a participação de duas atletas de Jaraguá do Sul nas Paralimpíadas Escolares que ocorrem em São Paulo, de 22 a 27 de novembro.

Os problemas de inscrição entre a Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte) e o  Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) não impediram o embarque da paratleta Luiza Possamai, deficiente física, que disputa a modalidade de natação. Marcélli Vitória Tomazi, deficiente visual, representa o Estado no atletismo. As duas foram recebidas na Secel ontem (22), de onde seguiram, em horários distintos, para a competição.

Marcélli (14) terá a sua primeira participação, acompanhada do guia e técnico, Wanderley Augusto Gessner. 

Luiza (17), acompanhada da técnica Verônica Paciello Matile, participou das duas últimas edições da Paralimpíadas Escolares e conquistou seis medalhas em 2018, sendo quatro de ouro nos 50 metros costas, 100 metros medley, 50 metros livre e 50 metros borboleta, uma de prata nos 50 metros peito e uma de bronze no revezamento 4x25 metros livre.

Em 2019, foram cinco medalhas, sendo três de prata nos 100 metros peito, 100 metros costas e 50 metros livre e duas de bronze nos 100 metros livre e 50 metros borboleta.

“Luiza é nossa mu lticampeã de natação, coleciona medalhas há alguns anos e torcemos para que ela consiga mais uma excelente performance na sua primeira competição após o período de isolamento social, pois tem garra e determinação para  fazê-lo. A Marcélli, é outro exemplo de superação, iniciou há pouco no atletismo, é também bailarina, pratica equitação e treina patinação artística no início deste ano, nas aulas comunitárias no Centro de Artes e Esportes Unificados Mestre Manequinha. Elas nos dão uma lição de coragem, determinação e superação”, pondera a secretária de Cultura, Esporte e Lazer, Natália Lúcia Petry.





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM